Mas que baita merda

[Sábado, 20 de julho de 2013]

Vi isso hoje ontem no recém-criado blog de uma ex-colega de curso:

"Mas todo BiblioConcurseiro sabe o que quer: trabalhar no serviço público e ter a tão sonhada estabilidade e a mais sonhada ainda boa remuneração."


Quando eu penso que eu entrei nessa justo com essa cabeça, me dá vontade de morrer: porque sete anos se passaram e isso não faz mais o mínimo sentido - aliás, não faz já há MUITO tempo, pena que eu admiti isso tudo tarde demais... Daí todo mundo diz: mas você adquiriu conhecimento. Adquiri PORRA NENHUMA, só sofrimento. Não é à toa que essa monografia só saiu assim que eu consegui dar um jeito de colocar outra área no meio dessa coisa toda. Não acredito que eu vou ter OUTRA crise em relação a isso e continuar me culpando por MAIS UMA escolha errada - essa foi a pior de todas, tenho que confessar. Melhor estudar e me livrar logo disso. Ainda acho que esse trabalho pode me redimir e fazer com que tudo isso valha alguma coisa a pena... se não for assim nem sei de onde eu vou tirar forças para lidar com tanta frustração.


1 Response
  1. Alexandre Says:

    quase fiz parecido quando em um ano não aguentava mais e tentei mudar de curso para contabilidade. É, com a mesma mentalidade.

    Me torraram a paciência até que eu cedi e voltei atrás. Foi no que foi e agora não tem como dizer como teria sido.

    Quem sabe.

    Aproveito para ser inconveniente e perguntar, então o que gostaria de fazer?