De duas coisas ela estava convicta...

[Quinta-feira, 04 de abril de 2013]

1. ela era a principal responsável por sua própria felicidade - e deveria agir como tal daqui para frente;
2. ela queria ser sua própria inspiração.
0 Responses