Momento #amúsicaescolheapessoa do dia



Cry with a smile
My heart is bleeding
Bewildered I'm here alone
Why is there pain in a beautiful moment?
Why do I feel so lost, so empty?

Cry with a smile
My heart is healing
From pain I knew that would come
Why stay locked in a deeply sad moment?
Why do I feel so cold, so peaceful?

Take my heart and set it free
Take my heart and give a time to heal
I know, in my memories you live
Take my heart a little while
Take it with you to the place you go
I know, we will meet again someday

Cry with a smile
My heart was dreaming
Of time I knew would come to an end

Why do I cry about a beautiful memory?
Why do I feel so hurt, so lonely?

Take my heart and set it free
Take my heart and give a time to heal
I know, in my memories you live
Take my heart a little while
Take it with you to the place you go
I know, we will meet again someday


[Cry With a Smile - After Forever]


pq essa música, de repente, tomar conta da minha cabeça DO NADA não pode ser mera coincidência...


"TÁ FODA" não chega nem perto de definir. Tá MUITO FODA, como nunca esteve antes.

E a sensação é de que as coisas não vão mais voltar ao normal. Talvez seja isso mesmo o que precisa acontecer, e talvez as coisas mudem pra melhor, mas vai ser o preço mais alto que eu já paguei por algo na vida.


Certeza de mais uma crise a caminho. Tô TÃO cansada, sei quanto tempo mais eu aguento não, ó



:'(

É MUITO amor, sabe.


SIM, a foto é minha :P

Ficar sozinha numa fila (até aparecer o ex de uma amiga minha, que também tinha ido sozinho, pra me fazer companhia e me livrar de ouvir o papo CHATO do cara atrás de mim) enquanto meus amigos não chegavam, de repente me lembrar que, como diz a comunidade do orkut, eu "amo metal, mas odeio metaleiros" (rezem pra eu não morrer no Ozzy, okãy - principalmente levando em consideração que quem vai abrir é Sepultura), passar o maior calor do mundo na sauna que era aquele lugar (sorte da Tarja que ela tinha ventilador hahaha) no meio daquele bando de homem CHEIROSO #NOT.

Mas ouvir Wishmaster na voz da Tarja (e foi justamente nessa música que ela apontou pra mim). Vê-la assim de pertinho (no fim do show eu já tinha conseguido me infiltrar na "3ª fileira") e me lembrar das incontáveis vezes que eu assisti o DVD "From wishes to eternity" divagando sobre se, um dia, eu teria a sorte de ver aquilo ao vivo.

E aqui, na minha cidade, estava ela... LINDA, mais simpática impossível falando português o tempo todo ("estou muito, muito contente": FOFA) e com a voz mais linda e perfeita que eu já ouvi. <3

Valeu muito, MUITO a pena. <3


É amanhã, tã-nã-nã!


eu já comentei aqui que o Century Child salvou minha vida? E que, desde então, Nightwish é (forever and ever) minha banda favorita?

Infelizmente, eu não pude ver a formação original ao vivo. Mas depois disso: http://www.fotolog.com.br/meli_maenomenon/71126345, ver a Tarja é vai ser como realizar a parte que ficou faltando pra meu sonho ser completo o/

Meu ingresso o/

No mais, depois do Carnaval comecei a fazer terapia, academia, topei (eu e as meninas da turma) apresentar num evento de dança do ventre que minha profª quer realizar na academia em abril/maio e, depois de #xingarmuitonotwitter e chorar de raiva com o fato de o sistema de matrícula online da UnB ter tirado uma com a minha cara, acabei de conseguir me matricular em Italiano 2 (poder fazer italiano é a única coisa que ainda me dá forças pra ir pra UnB) no ajuste... Só tô sentindo uma baita falta das meninas, mas o "Complexo de Greta Garbo" há de passar. Mesmo que seja aos poucos - BEM aos poucos - as coisas parecem começar a melhorar...

Momento #amúsicaescolheapessoa do dia


"Io che voglio e vivo una vita normale
Che me ne accorgo cercando qualcosa di speciale
Io che non esisto ma che non voglio morire"