Love in an e-le-va-tor


"Workin' like a dog for the boss man (whoa)
Workin' for the company (whoa-yeah)
Bettin' on the dice I'm tossin' (whoa)
I'm gonna have a fantasy (whoa-yeah)

[...]

Love in an elevator
Livin' it up when I'm going dawn
Love in an elevator
Lovin' it up 'til I hit the ground"


pq¹: eu VOU pro show conferir isso ao vivo! Ingresso e passagens comprados, um baita rombo no meu bolso e a aquela sensação de que eu tô viva que o roquenrou me proporciona e que NÃO TEM PREÇO! #porracaralho

pq²: Música em homenagem a ontem (na verdade anteontem, já são mais de duas da manhã de quarta-feira), hahaha! Depois de um findi deveras nostálgico, pensativo e melancólico em certo sentido, a vida me vem com mais uma piada sem graça. Mas, quer saber? Essas são as que mais me fazem rir... e como é bom conseguir rir disso tudo! E, no fim das contas, o dia de ontem me mostrou que eu finalmente encontrei a resposta certa pra pergunta que não saiu da minha cabeça nesses nove meses. Ó, uma gestação já! E eu (re)nasço. Não tou feliz não, mas tou muito bem resolvida quanto a isso. Pode parecer clichê, mas isso de "antes só que mal acompanhada" é a mais pura verdade.



0 Responses